Sua empresa recebeu um convite para participar de uma mediação online e você não sabe o que fazer?

Fique tranquilo! Vamos pontuar algumas coisas que ajudarão a tirar alguns dos receios e explicar os benefícios da mediação online para sua empresa.

Aceitar ou rejeitar o convite? Vamos analisar juntos!

1 – Solução para casos complicados

Na maioria das vezes, o convite será de um consumidor que já tentou vários contatos com sua empresa. O caso deve ter passado inúmeras vezes pelo atendimento, chegando à ouvidoria ou até caminhando para jurídico.

E pensando em resolver rapidamente o problema, a mediação é uma solução sem burocracia, com muito menos desgaste e com a mesma validade jurídica do Tribunal.

2 – Baixo custo

A mediação online costuma ter um custo fixo por sessão. Já em um processo comum, os lados arcam com as custas judiciais, a sentença e honorários.

Enquanto pelo leegol, a grande vantagem é que o valor da sessão é pago por faz o convite, ou seja, se você foi convidado para resolver um conflito, a mediação não será paga por você!

Além disso, por ele os valores podem ser conversados abertamente, chegando a um acordo que todos concordem, sem a imposição de juízes.

3 – Mais agilidade menos judicialização

É natural que o seu consumidor pense na justiça como uma luz no fim do túnel, depois de tanto tempo buscando uma solução. No entanto, nosso sistema judiciário está afogado de processo e o caso pode ficar mais tempo tramitando sem solução.

Então, querendo resolver de vez o problema, o consumidor encontra na mediação uma alternativa amigável. Inclusive, a própria justiça permite que a mediação seja utilizada fora dos Tribunais para ajudar o sistema.

Inclusive, a partir do momento que você aceita o convite, você diminui as chances que esse caso tem de ser judicializado. Ou seja, além de ser uma solução mais ágil, sua empresa ainda diminui os casos judicializados!

Veja como usar o atendimento para diminuir a judicialização da sua empresa. Clique AQUI.

4 – Validade jurídica fora do tribunal

O convite foi via e-mail, a mediação será por uma plataforma online e até a assinatura será pela tela do celular? Deu medo de não ser confiável?

As plataformas de mediação online precisam ter homologação nos tribunais de justiça para que, os acordos feitos por elas, tenham garantia legal e que as assinaturas tenham validade. Então, se a plataforma for homologada, fique tranquilo que todo o seu processo está dentro das diretrizes do Tribunal! Inclusive a assinatura pelo celular!

Todos os acordos do leegol podem ser homologados pelo Tribunal de Justiça de São Paulo.

5 – Acordo humanizado

A mediação é uma ferramenta totalmente ligada aos direitos humanos, porque dá o “direito de fala” para os envolvidos de um problema, levando em consideração o indivíduo e seus sentimentos, garantindo que os acordos sejam construídos, ao invés de impostos.

Se sua empresa foi convidada para uma mediação, lembre que, por ela, há a possibilidade de olhar o problema sob uma outra perspectiva, aumentar o nível de empatia com o seu consumidor e até resgatar uma relação de consumo que ainda pode ser muito produtiva.

Conclusão

Depois de expormos vários pontos de atenção para considerar sobre a mediação, vale lembrar que o convite para uma sessão não te obriga a participar, mas que os pontos positivos são evidentes, ninguém pode negar!

Termo de não-aceite

Em algumas plataformas, como no leegol, a partir do momento que o convidado não aceita participar da sessão num prazo previsto em lei, elas podem dar ao solicitante um termo com validade jurídica atestando que houve uma tentativa de acordo amigável, mas que uma das partes não aceitou participar.

Ficou interessado? Tem mais dúvidas?

Deixe uma resposta